quarta-feira, 25 de outubro de 2017

Manger Cadavre?: HC/Crust originário do Vale do Paraíba/SP

0      



0       01- Histórico da banda. (ano de surgimento, intuito, cidade e primeira formação)
Nós começamos a banda no final de 2011 com a formação composta por integrantes de diferentes cidades do Vale do Paraíba. A banda foi fundada pelo Marcelo Kruszynski (baterista) e o Jux (antigo vocalista) que tinham gostos parecidos no hardcore e metal. A princípio a banda possuía seis integrantes (2 vocais - Nata e Jux, 2 guitarras - Rogério e Patrick, baixo - Jonas e batera - Marcelo K.) com os quais gravamos o single "Existimos!". Após um ano, dois integrantes deixaram a banda e nos firmamos como quarteto, ainda com o Rogério na guitarra, com quem gravamos nosso segundo single, a "Sua Justiça". Após, ele deixa a banda, e o Jonas passa a ser guitarrista e convidados o Marcelo Augusto para o baixo. Nesse meio tempo, mudamos muito do que havíamos composto, e passamos a construir a identidade do que hoje é o Manger Cadavre?, com o lançamento do nosso primeiro EP, o "Origem da queda". Como o Jonas vem da escola do punk e o Marcelo A., do thrash, sugerimos que eles trocassem os intrumentos, e assim, fechamos a formação que permanece até hoje: Marcelo Kruszynski, na bateria, Jonas, no baixo, Marcelo Augusto, guitarra e Nata, vocal.

0      02- O porquê do nome Manger Cadavre?.
A princípio, a proposta da banda era falar sobre exploração animal e vegetarianismo, no entanto, essas pautas foram deixadas de lado, mas o nome já havia sido anunciado. Resolvemos manter, pois como é uma pergunta, ela acaba subjetiva, passível de qualquer interpretação sobre seu significado. Dos quatro, apenas um não é vegetariano, o Marcelo Augusto, mas mesmo antes de sua entrada, logo no início da banda, definimos a temática abordada, tratando de questões sociais progressistas e a luta de classes focada em nossa realidade.

0      03- Quais são as influências musicais?
Temos influências diversas que vão do punk ao black metal, mas nossa base é o hardcore, com influências de crust. Algumas bandas que gostamos muito são o Disrupt, Discharge, Catharsis, Fall of Efrafa, Napalm Death, Detestation, Oathbreaker, dentre outras.

0      04- Em relação a temática das letras.
Nossas letras tratam de questões sociais e política, que consideramos temáticas essenciais para a incitação ao questionamento e, após aprofundamento, base para o revide ao conservadorismo e luta anti-imperialista e anticapitalista.

0      05- Materiais lançados (número de faixas, nome das mesmas, gravação e intitulação dos álbuns)
"Existimos!" - Single 2012

"Sua Justiça" - Single 2012

"Origem da queda" - EP 2013 - 5 faixas

"Limbo" - Split com Disforme 2015 - 4 faixas de cada banda

"Senhores da moral" - EP 2016 - 2 faixas

"Revide" - EP 2017 - 6 faixas

0      06- Videoclipes.
Nós temos lançados 2 clipes oficialmente. "O homem de bem", que foi feito por Caio Augusttus e Pedro Gomide e "Bruxas da noite", feito pelo Walter da Head Label. Há, ainda, um fã clipe (que ficou muito bacana), do som Totalitarismo Social.

0      07- Novos Projetos.
No momento estamos realizando shows para o lançamento do EP Revide. No entanto, pretendemos compor nosso primeiro álbum no próximo semestre e, tudo correndo bem, gravá-lo no segundo.

0      08- Agenda:
21/10 - Coruja Estúdio - Jacareí/SP

01/11 - Clash Club - São Paulo/SP

02/11 - Rio de Janeiro/RJ

03/11 - Belo Horizonte/MG

04/11 - à confirmar
Quem quiser chamar a gente para tocar na sua cidade, é só enviar mensagem privada, ou email para: mangercadavre@gmail.com. Propague o barulho pelo mundo! ;)

0      09- Principais festivais e eventos que tocaram.
Já participamos do Palco Test na Virada Cultural, dividimos palco com bandas como Ratos de Porão, acompanhamos a banda Stoma da Holanda em 3 shows, tocamos em muitos fests de coletivos como Verdurada x ABC, No Gods No Masters, Levante das Minas… E acompanharemos a Extreme Noise Terror em 3 datas no Brasil.

1     10- Formação atual
        Marcelo Kruszynski (Bateria)
        Jonas (Baixo)
        Marcelo Augusto (Guitarra)
        Nata (Vocal)

1     11- Um recado para a galera.
Faça o que puder, mas faça. Não seja refém das circunstâncias sem revidar.

  
  12. Plataformas virtuais.
https://www.facebook.com/mangercadavre/

https://www.twitter.com/mangercadavre/

https://www.instagram.com/mangercadavre/


https://mangercadavre.bandcamp.com

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário