quarta-feira, 15 de novembro de 2017

SC Metal Fest: Nasce Um Novo Monstro dos Fests (Parte II)

No domingo (19) se apresentarão oito bandas na Fazenda Cambará, a Curto Circuito, a Ódio Mensal, Balboa’s Punch, 355, Embrio, Fire Strike, Slasher e a recém confirmada Captain Cornelius.




A primeira banda a se exibir é a lageana Curto Circuito que trará um Hard Rock/Rock n Roll mesclando clássicos do estilo e músicas autorais como “Cerveja ou Gasolina” já reconhecida pelo público da região.



Inspiradas por Cólera, L7, Replicantes e Bulimia, a Ódio Mensal de Joinville irá expor o preciosíssimo Punk Rock. No ano de 2017 a banda lançou a demo “Contra o Sistema” o qual contou com três músicas, a homônima “Contra o Sistema”, “Leis Sujas” e “Prisioneiros da Fé” música esta que possui um videoclipe.



A banda riosulense de Thrash Metal Balboa’s Punch fincará suas raízes no SC Metal Fest. Os músicos enfatizam em suas letras questões político-sociais pelo caráter falho do ser humano, além de temáticas referenciadas ao folclore. O grupo possui duas músicas para audição no Soundcloud, trata-se de “Open Season” e “Portrait Of War”.



A psicodelia experimental estará presente no festival com a 355 se apresentando. O quarteto lageano mescla o Jazz, o Blues e o tradicionalíssimo Rock n Roll com influências de bandas como Cascavalletes, Mutantes, TNT, Raul Seixas, Di Melo entre outros artistas. Referências à parte, os músicos pretendem surpreender o público com suas respectivas canções autorais.



Há doze anos em atividade, a banda de Thrash Metal paranaense Embrio, marcará presença no segundo dia de fest. O grupo possui diversos trabalhos lançados, as demos “Earth in Flames” (2006), “We Made” e “Morbid Creation” (2007). Os álbuns “Prophets of Doom” (2008), “Corporation Is a Cancer” (2010), “Testify” (2012), “Revolt Against the System” (2013), “Karmadoom” (2017), além da compilação em comemoração aos dez anos de banda em 2015, intitulada “Déjà Vu”.



A paulistana Fire Strike trará todo vigor do Heavy Metal tradicional ao SC Metal Fest. Em atividade há treze anos e com forte influência oitentista, os músicos possuem duas demos, “Our Life Is the Heavy Metal” (2008) e “Fire Strike” (2009), em 2013 lançaram seu primeiro Ep “Lion and Tiger”. Além disso, em 2013 e 2014, lançaram respectivamente os splits “Panzer Fest” 2 e “Metal das Ruas Vol. II”, seguido pelo primeiro álbum “Slaves of Fate” (2017).



Reconhecida no cenário musical, a banda de Thrash Metal Slasher, originário de Itapira – SP, traz em suas letras temáticas sociais e políticas. Desde de 2008 nos palcos, possuem três trabalhos lançados, o Ep “Broken Faith” (2009) e os full-lengths Pray for the Dead (2011) e Katharsis (2014).



A última banda confirmada no domingo já é conhecida na região por sua sonoridade peculiar e letras características remetendo a cultura irlandesa e suas tradições alcoólicas. Se você pensou, a Captain Cornelius (os marujos e piratas bebuns riosulenses com histórias do alto mar e conselhos sobre a vida), a sua resposta foi correta. Então se apronte, traga seu chifre (opa, sua bebida), suas danças típicas e simbólicas e encontrem os bêbados de todo o estado lá em Otacílio Costa. 



← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário